HISTORIAS

EGUN


Egun
 
 

Os Eguns tem o centro do seu culto na sociedade Yorùbá onde os fundamentos religiosos dos Osha-Ifá nos falam “Iku Lobbi Osha” ou seja, da morte nasce o Orixá.

Todos os Orixás rivera que morrer para reencarnarem na Terra. Da norte os Orixas foram paridos.
A sociedade de culto ao Egun masculino, no individual, é conhecida na Ilha de taparica na Bahia (Sociedade de Eggungún baseadas no culto familiar e a personagens de âmbito) religioso e o culto na sua forma generalizada é conhecida em Cuba, onde se conhece a sociedade Geledé e os segredos de Oro.

Oro é a energia, o poder sobre os Eguns através do seu capataz “Oro”.

A sociedade de Oro existe para que aja o controle das Iyami Oxorongas, para punir as injustiças e faltas religiosas.

Existem varias qualificações de Eguns, como Babá e Apaaraká conforme seus ritos. As classificações são extensas. Algumas podem ser:

BABA EGUN LOPORIÓ

BABA EGUN SENGRÉ

BABA EGUN ALAMPALÁ

BABA EGUN XEMBÉ

BABA EGUN BAMBUXÊ ADINÔMODO

BABA EGUN OMITODÔ

ETC
 
 

Quer saber mais? Venha conhecer Ifá!

ELEGUÁ


 
Eleguá

 

É a primeira proteção, é ele quem abre os caminhos para as pessoas conseguirem continuar na religião. Os iniciados devem recebê-lo primeiro. É a vista que segue um caminho.

Eleguá se transforma em um grande guerreiro, terrível, temido, feroz e quando se une com Ogun e Oxossi nada pode detê-lo. Eu falei nada mesmo!

Eleguá é o principal mensageiro de Olofin. Veio à terra acompanhado de Obatalá.

Eleguá gosta muito de passear nas feiras livres e é nelas que constroi ou destroi a popularidade e o bom nome de uma pessoa. Ele vive detrás das portas, onde cuida da casa de quem o possui. Ele quem fecha ou abre o astral para a felicidade ou infelicidade dos seres humanos.

É o “porteiro” das savanas e dos montes. (lugar por onde se chega a estes lugares)

Quem os recebe deve sempre contar com sua ajuda e sempre alimenta-lo muito bem para que o tenha sempre a seu lado.

Eleguá é o que possibilita e traduz as conversas com o Anjo da Guarda das pessoas.

Ele é interprete do dilogún e do subsistema de Biague

É entregue por Babalawos aqui no Brasil. Pois eles que detêm o conhecimento necessário para seu assentamento.

Foi o único que conseguiu voltar do mundo dos Ará Onú.

Guanhou a honra de Olofin, Obatala e Orunmilá para ser o primeiro a ser atendido, graças aos seus grandes feitos e préstimos.

Seu ileke é confeccionado com contas vermelhas e negras.

Seu dia da semana é segunda feira e o dia 3 de cada mês.

Se saúda: Laroyè Elegua!
 
 
Ficou curiosos? Quer saber mais? Me procure, Babalawo Ricardo.
Historias de Ifá

O Oba mandou buscar a Orunmilá para que este o consultasse e Orunmilá mandou dizer-lhe que se ele quisesse consulta,  deveria vir até a sua casa.
O Oba disse que jamais iria até casa de Orunmilá, pois ele era um Oba e como tal, não se rebaixaria para um Babalawo.
Chegou um dia que esse Oba teve um sonho, onde o Oba viu sua cidade sendo invadida e tomada por outro Oba, e este perdeu a sua coroa. Acordando assustado e com muito medo o Oba resolveu ir a casa de Orunmilá se consultar onde teve que se agachar para passar no pequeno arco da porta da casa de Orunmilá. Com isso a coroa do Oba bateu no arco da porta, caindo de sua cabeça e indo parar aos pés de Orunmilá, que a pegou e disse: Para o  Oba  recupera sua coroa teria que fazer Ifá.
 
Por isso, que todos  ( Apetebis, Awofakans, Babalorixas, Iyalorixas, Ekedes, Ogãns e etc) temos que dar moforibale a Orunmilá, ou seja ao Babalawo que é seu representante na Terra. Todos temos que nos curvar a Orunmilá para que não percamos nossa coroa.

Algumas perguntas que você só saberá quando vier à casa do Babalawo Ricardo Oyekun Biroso:

1 – Por que comida seca se chama adimum?

2 – Por que o urubu é um pássaro sagrados para os filhos da Oxum?

3 – Por que Ogum e Oxossi andam juntos?

4 – Por que não se coloca dinheiro nos assentamentos dos orixás?

5 – Quem é o pai do dinheiro?

6 – Por que se joga um pano branco em cima da pessoa incorporada para desvirar o Orixá?

7 – Por que não se coloca água em Omolu?

8 – Por que quem tem Xangô, tem que ter à  Oyá e quem tem Oyá tem que ter à  Xangô?

9 –  Por que os filhos de Ogum tem que usar eketé branco?

10 – Por que se pinta ao Iyawo?

11 – Por que quem é filho de Omolu não pode ter sociedade com filho de Ozain?

12 - Por que Iemanjá come galo?

Por que Oyá não come carneiro?

13 – Por que Xangô come o ajapa?

14 – Por que na iniciação e nos oros de filhos de Yewá não pode ter a presença dos filhos de Iemanjá?

15 – Por que se inicia um Iyawo que não seja mais virgem a Yewa?

       ETC..... Fico curioso venha conhecer Ifá onde nada fica sem resposta!!!!

DISSE IFÁ

DISSE IFÁ
 
 
 
"BEENI CONIRI, OLA CORIBEE
  ORONOLA EENA SEMA TETERI"
 
Hoje não posso ser como amanhã e ninguém sabe o que eu farei amanhã.
 
Vejo muitas pessoas chegando em minha casa, com anos e anos de culto aos Orixás sem nada verem de concreto em suas vidas. Ou seja, as suas vidas de nada melhoraram por estarem cultuando os Orixás.
O culto está sendo feito, porém não da forma correta.
Estar em um centro sem fazer sacrifício aos Orixás sem comprometer-se com os Orixás de nada adianta.
 
Hoje não posso seguir igual a ontem, tenho que fazer algo hoje para que meu amanhã não se repita igual ao hoje.
Se nada fizer, nada verá.
Mude a forma de cultuar seu Orixá, já que da forma que vem cultuando-o não esta lhe levando a lugar algum.
Olodumarê (Deus) nos deu o livre arbítrio, use-o para fazer o sacrifício necessário para você ficar bem.
 
Alivie suas adversidades fazendo ebó (sacrifício) aos Orixás, só vestir roupas brancas e incorporar santos em centros dificilmente vai resolver seus problemas.
Venha conhecer Ifá, para poder conhecer o que realmente é Orixá
 
Muito Axé para todos.

DISSE IFÁ

DISSE IFÁ
 
 
 
"Não importa o quanto difícil a vida possa parecer, você poderá triunfar pelo oferecimento dos sacrifícios corretos e por não guardar o mal no coração e nos pensamentos.

As coisas irão fluir fazendo o sacrifício e tendo mais trabalho, mas riquezas, mais realizações as pessoas não devem negligenciar os sacrifícios por estarem ocupadas com suas tarefas diárias.
A pessoa deve ter uma reflexão sobre seu futuro e o que espera do seu futuro. Pois o que você deseja pode não estar alinhado com o que é o melhor para você, ou para sua alma. Pode não estar alinhado com o objetivo de sua vinda a Terra."